Anúncios

Resenhas | The Handmaid’s Tale – 3ª temporada

Instável, terceira temporada continua a trazer força para June em sua jornada.

Terceira temporada se expande para fora da sua zona de conforto.

Há algo extremamente incomodo com a terceira temporada de The Handmaid’s Tale. Com seus 13 episódios instáveis, onde era necessário encher um espaço para que a história andasse, podemos perceber que a trajetória de June (Elisabeth Moss) está chegando ao fim.

Os cinco capítulos iniciais do terceiro ano são extraordinários. Um ritmo intenso, expandindo sua própria mitologia e criando novas dinâmicas entre personagens. Além disso, explorou o passado de Aunt Lydia (Ann Dowd) e o embate entre Gilead e Canadá muito bem.

Entretanto, The Handmaid’s Tale se perdeu (novamente) ao ter muito mais espaço para abordar suas histórias. Mesmo com capítulos bem elaborados, é nítido que o formato de 13 episódios não traz a força que a série tinha lá em 2017, quando estreou.

Tudo isso fica ainda mais em evidência quando não há um trabalho extenso com personagens secundários. O núcleo canadense parece não existir em momentos importantes e Nick (Max Minghella), que teve parte de seu passado revelado, desapareceu por boa parte da temporada.

Yvonne Strahovski e Joseph Fiennes continuam ótimos como Serena Joy e Comandante Wattford. Juntos, a dupla consegue realizar cenas incríveis e, quando Elisabeth Moss aparece, percebemos como os três possuem química extraordinária e são fundamentais para que The Handmaid’s Tale funcione.

O final do ano, por mais parecido que seja com o da temporada anterior, demonstra que a trajetória de June está quase terminando. Não somente pelas 52 crianças resgatadas, mas também pelos momentos finais que funcionam como um símbolo dos últimos três anos.

The Handmaid’s Tale continua linda esteticamente, necessária e mostrou que não precisa apelar para cenas gráficas para ser brilhante. Porém, Hulu e MGM poderiam condensar a próxima temporada para que seja concisa e com ritmo mais intenso e avançar verdadeiramente na mitologia.

Anúncios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: