Anúncios

Resenhas | Sonic – O Filme

“Sonic – O Filme” estreia hoje, 13 de fevereiro, nos cinemas brasileiros.

Manolo Rey dubla o personagem na versão brasileira.

Se há algo que todos tiveram um pé atrás ao seu anunciado – e divulgado o trailer -, foi Sonic – O Filme. Entretanto, é possível dizer que o filme da Paramount Pictures acerta em cheio sobre o ouriço azul.

Com uma história simples, o longa-metragem traz algo completo para introduzir o personagem da Sega aos cinemas.

Além da história de Sonic (e a razão de estar preso na Terra), o filme também dá destaque ao personagem de James Marsden: um policial de uma cidade pequena que está tentando atingir grandes sonhos.

A dinâmica dos dois personagens é interessante, trazendo ligações inesperadas para que seja formada uma amizade sincera. A personagem de Tika Sumpter também adiciona outra camada para esta ação do filme.

Jim Carrey como o Doutor Robotnik (ou Eggman, para os fãs mais assíduos do ouriço azul) rouba a cena. Suas expressões faciais (beirando o caricato) impressionam e é importante para trazer a frieza e o ego do personagem. Suas interações com o governo americano e com Sonic chegam a ser hilárias, aliviando o coração dos fãs dos jogos.

O longa-metragem acerta ao estar recheado de comentários da cultura pop, sabendo lidar com a audiência atual. A trilha sonora e os efeitos especiais também conseguem brilhar dentro da narrativa.

Sonic – O Filme é inteligente ao trazer algo para novos fãs se apaixonarem e os velhos entenderem referências importantes para a saga.

Sonic – O Filme estreia hoje, 13 de fevereiro, nos cinemas brasileiros. Manolo Rey dubla o personagem-título no Brasil.

Anúncios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: