Anúncios

Resenhas | Marvel’s Runaways – 1ª temporada

Resenhas | Marvel’s Runaways – 1ª temporada

 Série da Hulu é a mais estável dos lançamentos da Marvel em 2017.

Série também fala sobre o descobrimento pessoal.
Série também fala sobre o descobrimento pessoal.

Marvel’s Runaways não é apenas outra adaptação da histórias da Marvel. A produção da Hulu conseguiu mostrar além das histórias dos adolescentes e dar outros sentidos para o enredo. Com mudanças certeiras, a série relacionou além do grupo de jovens e focou também nos pais e seus relacionamentos com a Pride.

A jornada em 10 episódios começou com o grupo separado. Após a morte de Amy, irmã de Nico (Lyrica Okano), os jovens se desconectaram. Juntaram-se logo no primeiro episódio, sem querer, apenas para resolver os problemas deixados durante esse período. Neste mesmo momento, os adolescentes descobrem, por acidente, o ritual que os pais participam do Pride.

Os adolescentes se assustam e logo começam a pensar em um plano para deter seus pais.  No meio deste processo, o grupo acaba se descobrindo. Nico é a Wicca e que consegue utilizar O Cajado do Absoluto e sua bissexualidade; Molly (Allegra Acosta) descobre sua super-força; Gert (Ariela Barer) descobre sua conexão com Alfazema, uma dinossaura criada por seus pais; Chase (Gregg Sulkin) começa a inventar a sua arma; Karolina (Virginia Gardner) descobre sua sexualidade e poderes que foram escondidos desde seu nascimento; e, por fim, Alex descobre o passado dos pais.

Tanto o elenco adulto quanto o elenco jovem fazem um trabalho bem feito.  Julian McMahon, que interpreta o vilão Jonah, criado especificamente para a série, traz um ar macabro para a série. Com cenas do passado, o seriado consegue mostrar o que levou cada um a se envolver com a Pride. Com confiança e lábia, o vilão consegue alistar os inesperados e até desconhecidos, que se submetem ao que ele deseja.

Somente ao final o grupo de adolescentes torna-se o próprio título. Porém, a série da Hulu, que conseguiu uma renovação no começo da semana, consegue ter uma linearidade, tornando-se a mais estável entre todas as séries adaptadas da Marvel Comics lançadas em 2017.

 

 

Anúncios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: