Terceira temporada mostra similaridades com o primeiro ano do herói.

Herói volta as origens após acontecimentos finais de Marvel - Defensores.
Herói volta as origens após acontecimentos finais de Marvel – Defensores.

Após os acontecimentos finais de Marvel – Defensores, todos os enredos dos heróis foram modificados, caminhos tiveram que mudar. Não necessariamente no planejamento das séries, mas sim os rumos que Matt Murdock, Jessica Jones, Luke Cage e Danny Rand.

O Diabo de Hell’s Kitchen talvez tenha sido o mais afetado. Seu sacrifício para salvar Elektra mostrou que veríamos quase um reboot na terceira temporada de Marvel – Demolidor. E é isso que mostrou os seis episódios iniciais liberados à imprensa.

Com histórias interligadas, Matt Murdock (Charlie Cox), Wilson Fisk (Vicent D’Onofrio) e o Mercenário (Wilson Bethel) fazem o principal enredo. Seja o ressurgimento do advogado e toda a ação envolvendo o Rei do Crime, os três se opõem e se juntam em questões parecidas.

Karen Page e Foggy Nelson estão, principalmente, em momentos paralelos, mas que vão de encontro a trama principal. Ainda apenas na esperança de que Matt está vivo, a dupla conquista espaços em suas áreas e com exploração de momentos anteriores ao começo da série na Netflix.

A jornalista continua em suas buscas tão minuciosas que acabam colidindo com sua vida pessoal; enquanto isso, mostra-se mais da família do advogado e como suprime a dor da perda do amigo.

Mesmo com o começo lento, Demolidor continua como um ótimo produto. As cenas de luta continuam impressionantes e desafiadoras, se adaptando ao que o momento propõe.

Há tudo para que seja a melhor temporada da série. O encaminhamento mostrado é interessante e com similaridades ao primeiro ano, algo tão elogiado pelos críticos e fãs. Matt Murdock pode retornar dos mortos e fazer dessa sua grande história.

 

 

Anúncios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.