Oscars muda regras para trazer mais diversidade

Mudanças irão valer a partir da cerimônia de 2022.

    Cerimônia de 2021 acontecerá em abril. (Foto: Reprodução)

    A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou ontem, 8 de setembro, mudanças nas regras daqueles que desejarem concorrer a estatueta de Melhor Filme. A informação é do Hollywood Reporter.

    Em nota, representantes da Academia afirmam que as mudanças vão encorajar a representação justa dentro e fora das telas, para refletir a diversidade da audiência. Para a cerimônia de 2022 e 2023, os filmes vão precisar enviar à Academia um formulário de Inclusão para serem considerados para o prêmio principal.

    A partir da cerimônia de 2025, os filmes vão precisar atender requisitos mínimos de representação e inclusão para poderem ser elegíveis para concorrer ao prêmio máximo.

    Segundo a Academia, serão quatro pontos essenciais para as futuras produções.

    A primeira será ter ao menos um protagonista, ou um número substancial de coadjuvantes, de um grupo étnico ou racial sub-representado, como asiáticos, latinos/hispânicos, negros, nativos americanos, etc., Além disso, 30% dos atores em papéis secundários ou menores sejam mulheres, LGBTQIA+, pessoas com deficiências cognitivas ou físicas e de grupos étnicos e raciais. Outro detalhe para atingir o primeiro ponto, é que o enredo principal seja centrada nesses grupos.

    O segundo ponto envolve liderança criativa e a equipe do projeto. Para isso, pelo menos duas posições de liderança e de departamentos, precisam ser do grupo citado acima, e um dirigente precisar ser dedicada a grupos raciais ou étnicos sub-representados. Também será solicitado que seis ou mais pessoas da equipe técnica sejam destes grupos, além de 30% do grupo de produção seja de minorias.

    Em terceiro, está em relacionado à indústria (e ambos os critérios devem ser atendidos). O primeiro é a distribuição e a companhia de financiamento precisa pagar aprendizes e estágios para grupos sub-representados, em diversos departamentos. A segunda parte é em relação às oportunidades de treinamento e desenvolvimento de habilidades para equipe técnica.

    Por fim, o estúdio deverá trazer representação nas áreas de marketing, publicidade e distribuição.

    Os critérios serão necessários apenas para eleger Melhor Filme, com as outras categorias com os requerimentos passados. Caso produções como os longas-metragens e animações desejem concorrer ao prêmio principal, serão julgados separadamente.

    A 93ª edição do Oscar acontecerá em 25 de abril.

    Deixe seu comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    %d blogueiros gostam disto: