Anúncios

Netflix aumenta investimento em histórias e talentos brasileiros

Plataforma de streaming irá trabalhar com Maisa Silva, Larissa Manoela e Fabio Porchat.

Netflix também anunciou série sobre ‘O Menino Maluquinho’

A Netflix anunciou hoje (24) que está investindo em novas histórias e talentos brasileiros, expandindo, assim, para até 30 produções nos próximos dois anos.

Para Ted Sarando, chefe de conteúdo na plataforma, o Brasil tem tradição em contar grandes histórias. “É por este motivo que estamos animados em aumentar nosso investimento na comunidade criativa brasileira. Esses 30 projetos, em vários estágios de produção em diferentes locais espalhados pelo país, serão feitos no Brasil e consumidos pelo mundo”, completou.

Entre os projetos anunciados, está uma versão animada de Menino Maluquinho, icônica obra do escritor e cartunista brasileiro Ziraldo que será produzida por Chatrone (The Book of Life), e será lançada em 2021.

Maisa Silva protagonizará três produções originais da Netflix, o mesmo tanto de atrações que Fabio Porchat irá estrelar.

Larissa Manoela estará em Modo Avião, novo filme que será escrito e dirigido por César Rodrigues e com produção de A Fábrica. O longa-metragem gira em torno de Ana, uma jovem influenciadora digital que o bate um carro antigo do avô para tentar tirar uma selfie e deverá ir para a fazenda dele e consertá-lo. Porém, ela não poderá ter o celular.

Thalita Rebouças também vai estar na Netflix como Quem Nunca?, a história sobre três adolescentes que vão a um acampamento escolar depois de fazer um pacto de permanecerem solteiras, mas as coisas se complicam quando ex-namorados aparecerem, paixões inesperadas são reveladas e elas descobrem que têm escondido segredos umas das outras por um longo tempo.

Bruno Garotti irá dirigir Ricos de Amor, filme com Danielo Mesquita e Giovanna Lancellotti; Carnaval é uma produção da Camisa Listrada e terá direção de Leandro Neri; Wagner Moura irá produzir e estrelar Sergio, a cinebiografia do diplomata brasileiro na ONU Sérgio Vieira de Mello.

A Netflix também anunciou a série Futebol, drama de Elena Soares que contará a história por trás da relação intensa entre dois jogadores pobres de 15 anos que são escolhidos para integrar a categoria júnior do maior time brasileiro.

Outras produções originais em produção estão O Escolhido, adaptação de Raphael Draccon e Carolina Munhóz; Sintonia, criada por Kondzilla; a série Irmandade, que tem Seu Jorge no elenco; e a nova comédia Ninguém Tá Olhando, o primeiro projeto solo de Daniel Rezende para a Netflix.

A segunda temporada de O Mecanismo deverá estrear em breve na plataforma, assim como o terceiro ano de 3%.

Anúncios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: