fbpx

Críticas | Os Ausentes – 1ª temporada

“Os Ausentes” estreou em 22 de julho pela HBO Max.

Erom Cordeiro e Maria Flor protagonizam drama procedural. (Foto: Reprodução)

Os Ausentes, primeira série original brasileira da HBO Max, chega para ser um procedural para a plataforma de streaming. Com histórias interessantes, a produção se carrega nos dramas pessoais, nos casos por episódios e, principalmente, no entrosamento do elenco.

Liderados por Erom Cordeiro e Maria Flor, a série busca falar sobre casos de desaparecimento que acontecem em São Paulo. Raul (Cordeiro) é o líder da agência Os Ausentes, situada em uma loja de balas e escondida da população geral.

A série é um procedural interessante, com uma fórmula estrangeira que mescla bem com a base brasileira. Os casos por episódio funcionam e, aos poucos, descobrimos mais detalhes sobre as vidas dos personagens principais e como cada um foi parar na agência. Os Ausentes não tem medo de colocar histórias relevantes em tela, como o tráfico de órgãos.

A produção é um ótimo indício do que vem por aí pela HBO Max no Brasil, na América Latina e Caribe. Com ação na medida correta, com tramas que envolvem, Os Ausentes se destaca por saber seus limites e entregar algo na medida correta para o público acostumados com tramas parecidas.

Os Ausentes estreou em 22 de julho pela HBO Max.

Assine nossa newsletter e compartilhe nas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *