fbpx

Críticas | Raya e o Último Dragão

Filme estreia em 5 de março no Disney+.

Filme é dirigido por Don Hall e Carlos López Estrada. (Foto: Reprodução)

Com visuais encantadores, e uma temática desafiadora, Raya e o Último Dragão é o novo filme animado da Disney, que chega aos cinemas no próximo dia 4 de março e, via Premier Access, no dia 5 pelo Disney+.

Dirigido por Don Hall e Carlos López Estrada, Raya e o Último Dragão conta a história do povo de Kumandra, povo antigo que convivIa com dragões. Após o surgimento de uma ameaça, os dragões foram extintos – restando apenas uma lenda sobre onde encontrar o último dragão. 500 anos depois, Raya é a nossa heroína para continuar a salvar a humanidade destruída pela ganância e pelas sombras.

É apresentado, então, as cinco partes deste mundo – Cauda, Garra, Coluna, Presa e Coração. Cada uma com uma mitologia diferente, o filme de Hall e Estrada é significativo ao explorar nuances e cada espaço de forma diferente, desde a arquitetura até os trajes de cada personagem.

Além disso, o filme deseja mostrar algo simples como confiança e irmandade podem mudar o mundo. Na narrativa de Raya e o Último Dragão, a mensagem é constantemente reativada e proporcionada por seus personagens centrais – que buscam se alinhar para derrotar o grande mal que alastra a sociedade de Kumandra.

Um filme que envolve, é o típico longa-metragem animado da Disney, trazendo mensagem simplista, mas objetiva, para seu público infantil – porém, que emociona a audiência mais velha.

Raya e o Último Dragão ficará disponível em abril pelo Disney+ a todos os assinantes da plataforma.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: